Número total de visualizações de página

domingo, 21 de fevereiro de 2010

ALAGOAS - LIXO NAS PRAIAS DÁ CADEIA


Em virtude da quantidade de lixo (restos de alimentos e óleo de cozinha) descartado por bares e restaurantes nas piscinas naturais de Alagoas, as autoridades decidiram implantar medidas radicais.

Quem desobedecer pode ser preso por crime ambiental e pagar a multa que varia de R$700 a R$100 mil.

De acordo com o Secretário de Turismo da Capital, Maceió, a comercialização dos produtos deverá ser feita de forma adequada e com mais fiscalização.

A piscina natural na Capital de Alagoas fica a dois quilómetros da orla.

RESPEITAR O MEIO AMBIENTE É UM DEVER DE CADA PESSOA

Sem comentários:

Enviar um comentário